Notícias

Fique por dentro das notícias da cidade e região.

100 mil empresas encerraram atividades no RS em 2020

  • Data: 07/Abr/2021

Número corresponde aos fechamentos definitivos entre março e dezembro do ano da pandemia

 

Aos poucos, os dados vão dimensionando as perdas causadas pela pandemia do coronavírus ao setor empresarial gaúcho. 

Segundo levantamento da Neoway, de março a dezembro de 2020, exatas 100.081 empresas encerraram suas atividades no Estado. 

Entre os negócios que sucumbiram em 2020, 39% são do setor de serviços, que inclui salões de beleza, hotéis e outros tipos de atendimento pessoal, muito afetados pela covid-19. Nesse ramo, um dos fechamentos mais emblemáticos foi o do Hotel Everest, em setembro passado. Nesse grande setor, o segmento de alimentação representa 6% dos negócios que encerraram atividades, como lanchonetes, restaurantes e fornecedores de alimentos. Outros 22% dos que desistiram de funcionar são do varejo.

O levantamento indicou as três cidades que mais concentraram o encerramento das empresas. Em primeiro lugar está Porto Alegre, com 12%, seguida de Caxias do Sul, com 4% e Canoas, com 3%. O estudo também aponta um cenário difícil para os próximos meses. Somente no primeiro trimestre deste ano, 15.775  empresas do RS já foram baixadas, ou seja,  finalizaram o processo de fechamento.  

Por outro lado, de março a dezembro de 2020, foram criados 235.333 negócios no Estado. O índice representa um crescimento de 24% em relação ao ano anterior. Esse é o maior volume registrado no levantamento desde 2016. Em relação ao período, o aumento é de 37%.

Como se sabe, a grande maioria desse contingente, cerca de 70%, são MEIs (Microempreendedores Individuais), que tentam garantir a sobrevivência na crise criando alternativas de negócios. Do total, 27,5% são microempresas e 2,5% são empresas de pequeno porte. 

 

Fonte: GZH

Foto: Lauro Alves / Agência RBS

Outras notícias